My candy bag

terça-feira, fevereiro 10, 2015


FOLLOW ME: Instagram | Facebook | Bloglovin

A minha Candy Bag da Furla tem muito pouco de escocesa, até porque esta é uma marca italiana, mas adoro ver este tom de verde no inverno e, sobretudo, combinado com o meu lenço tartan. À partida a maioria optaria por uma carteira bege ou camel... É óbvio que ficaria bem! Mas porque não ser diferente? Tal como dizia um post que publiquei no meu Instagram: "Life is too short to wear boring clothes". Portanto, vamos mas é divertir-nos a conjugar o que temos. Esta foi uma das coisas que aprendi no curso de Styling e Consultoria de Imagem, como já tinha contado aqui em tempos. 

O ato de vestir pode e deve ser mais do que o objetivo básico de nos taparmos e proteger-nos. Através da roupa podemos realçar a nossa personalidade, o nosso estado de espírito, transmitir emoções... Todo um conjunto de coisas que para isso só é preciso por algumas células do nosso cérebro a funcionar. Digo algumas células apenas porque para vestir-se não é preciso teorizar muito sobre o assunto, passa muitas vezes por uma questão de sensibilidade, ter alguma noção das proporções e daquilo que nos favorece.

Como disse no post anterior, o padrão tartan ou escocês é uma das fortes tendências da estação, mas... não é sempre? Há invernos em que se usa mais, outros em que se usa menos, mas em abono da verdade os anos passam e continua em voga. Todos nós temos uma pecinha de roupa em casa neste padrão, nem que seja uma manta no sofá. Decidi brincar com o lenço e dar-lhe um uso diferente de pô-lo a proteger o pescoço. Usei o lenço como se de um colete se tratasse. Não é para todos os gostos, mas não há nada que seja para todos os gostos... Por isso é que cada um deve fazê-lo como se sente melhor.

My Candy Bag from Furla is very little scottish, even so because it's from an italian brand, but I love this green tone on Winter and, most of all, combined with my tartan scarf. Most people would go for a beige or camel purse... It would obviously look good. But why not be different? Just as I said in a post that I put on Instagram: "Life is too short to wear boring clothes". So, lets have fun combining what we have. This was one of the things that I learned on my Styling and Image Consultant course, as I had told here before.

The act of dressing can and should be more than the basic purpose of covering up or protecting us. Through clothes we can highlight our personality, our state of mind, pass emotions... A whole bunch of things that only take a few cells of our brain put to work. I say a few cells just because one doesn't have to theorize much about this subject, it's a matter of sensibility in many occasions, by having knowledge of proportions and of what makes us look good.

As I have said in my previous post, tartan or scottish plaid is one of the strongest trends of the season, but... isn't it always? There are years where we use more and others where we use less, but, truth be told, years go by and and it keeps being on fashion. We all have a little piece at home in this pattern, even if it's just a blanket on the couch. I decided to play with the scarf and give it a different use from just putting it around the neck. I used the scarf as if it was a vest. Not everyone will like, but but there is nothing that is for everyone... Thus, each one must do it as you feel better.


 Blazer: Zara (Old) | Belt: Primark | Scarf: Stradivarius | Trousers: H&M | Shoes: Zara (Old) | Sweater: Primark (Old) | Bag: Candy Bag by Furla

You Might Also Like

6 comentários

  1. Lindo blog.
    Adorei o look.
    Beijinhos
    http://bbelieve123.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Tenho uma parecida em termos de forma mas em azul e castanho. Não é de marca:P

    ResponderEliminar
  3. Hello from Spain: great green bag. Fabulous pics. Keep in touch

    ResponderEliminar
  4. sempre linda tu <3
    manda essa candy bag aqui para o norte já :p

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe