Football for girls

sexta-feira, junho 29, 2012

O tempo em que o futebol era só para homens e só estes é que iam ao estádio já era. Isto a juntar àquela imagem magnífica do homem esparramado no sofá a dizer: "Maria, traz-me uma cerveja fresca"; "Maria, vai buscar os tremoços"; "Maria, traz o abre caricas"; "Maria...". E era a Maria para tudo durante os 90 minutos em que 20 palhaços davam pontapés na bola e outros 2 ficavam entre dois postes com redes à espera que a bola lá fosse parar. Hoje o futebol é transversal e já há muita mulher a ser treinadora de bancada, a tal ponto dos impropérios tão típicos masculinos saírem-lhes da boca à mesma velocidade com que respiram. Confesso que odeio ver isso. Mas adoro ver uma mulher a dar um "baile" a um homem no que toca a conhecimentos futebolísticos. Eu tenho a sorte de poder fazer isso de vez em quando com amigos meus ou quando estamos numa grupeta mais entusiástica, isto porque o meu homem é jornalista desportivo e vai-me dando umas dicas futebolísticas que me permitem brilhar em covil masculino. Lá mais no início do Europeu, quando Portugal preparava-se para jogar com a Dinamarca muito homem dizia que a partida ia ser a piece of cake. Eu logo me insurgi: "Não é à toa que os chamam danish dynamite. Afinal de contas foram Campeões da Europa em 1992. A Seleção dinamarquesa estava fora da competição, não tinha sequer sido apurada, mas entretanto começou a guerra na antiga Jugoslávia e a Dinamarca veio ocupar o lugar deixado vago por aquela Seleção e contra todas as expetativas saiu vitoriosa". Até se arregalaram os olhos!!! Foi bonito de se ver. Só faltaram as palmadinhas nas costas à homem, mas macho que se preze só partilha com outro da mesma espécie. É um ritual que diz que pertence à seita da masculinidade. Outra coisa que me dá gozo é estar a ver um jogo onde a ala masculina é superior à feminina e a minha voz fazer-se ouvir com: "É fora de jooooogo!!!!!!". E é ver as cabeças rodar na minha direção e eu ali inchada de orgulho. Quando o Pirlo marca o penalti frente à Seleção inglesa em grande estilo com aquele golo em arco lá brilhei de novo: "Grande penalti à Panenka". E esta, hein? Não é para qualquer um. É de deixar qualquer homem intimidado, isto já requer conhecimento. No fundo, o mundo do futebol já não tem segredos para mim (falta aquele sorrisinho maquiavélico a acompanhar a coisa - Muaaaahhhhhhhh). Falando mesmo a sério: estou a anos luz de dominar a matéria, mas com uma achega aqui e ali do meu homem lá vou surpreendendo e mostrando que o futebol também pode ser vivido com emoção pelas mulheres. Que o futebol não é nada mais do que uma excelente oportunidade para conviver com os amigos e já não é aquela coisa: "O futebol é para os meninos e ir ao shopping comprar roupa é para as meninas". Se bem que eu gosto e MUITO de ir ao shopping. Por falar nisso, está mesmo a apetecer-me ir comprar uns sapatinhos novos. Vou ou não?

You Might Also Like

2 comentários

  1. Gosto de ver um bom jogo de futebol! E também me insiro no grupo das poucas mulheres que sabem o que é um fora de jogo! ;)

    ResponderEliminar
  2. exacto, é pa conviver todos juntos! ate gosto de ver um bom jogo e com comentadores nices (gosto do das rtp1). o meu boyfriend costuma ser mt calado durante o jogo..lol e ele ja sabe q no final do jogo gosto q ele me faça um relato.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe