Just fine

segunda-feira, novembro 29, 2010

É como se nada fosse. Há pessoas que têm esta capacidade estupenda de agir, comportar-se e falar como se nada fosse. Nada aconteceu, nada se passou, nada se disse, nada se fez e como tal toca a agir, falar e comportar-se com essa convicção. É de tirar o chapéu e estender uma passadeira vermelha, mas fico com um travozinho a amargo a escorrer-me pela garganta que vai descendo, descendo e descendo até chegar ao estômago e provocar-me azia. É que esta é uma capacidade tão estupenda, mas tão estupenda, estupenda e estupenda que eu sinto uma certa dificuldade em perceber e em digerir. Há quem passe mal com fritos, outros com doces em excesso ou até mesmo com gorduras. Eu passo "mal" com este tipo de coisas que às vezes chegam a roçar a ironia forçada.

You Might Also Like

1 comentários

  1. Se percebi bem a que tipo de comportamento te estás a referir, deixa-me dizer-te que estou contigo, também fico fula. No entanto, a ideia do "agir como se nada fosse" é mesmo irritar.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe