So wet

sexta-feira, outubro 29, 2010

Às tantas fiquei na dúvida. Se era só a água da chuva a escorrer-me pelo rosto ou se também eram lágrimas de desespero e vergonha. Saí do bus em direcção ao trabalho e chovia torrencialmente, mas tão torrencialmente que nem na paragem de autocarros conseguia estar abrigada. Do outro lado da estrada caminhavam duas mulheres protegidas por um débil guarda-chuva, que ao passar um camião por elas ficaram encharcadas até ao tutano. Os gritos de fúria pela falta de respeito do condutor de pouco lhes valeu. Não valia a pena eu continuar ali à espera que a chuva passasse porque estava mais do que visto que não ia passar. Enchi-me de coragem e desatei a correr pela estrada fora em direcção ao trabalho, com a chuva a cair-me em cima. O meu saco de papel começou a desfazer-se e os meus pertences por pouco não iam parar ao chão. O meu cabelo escorria e a roupa começava a ficar pesada de tão molhada que estava. Bem... fiquei um caco.

You Might Also Like

1 comentários

  1. É muito mau...
    Cá no Porto tb estamos com esses aguaceiros!

    xo xo

    Lux

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe