Slut? Just the others

sexta-feira, maio 07, 2010

"Tantos!!!! Uma pessoa já nem sabe quantos namorados teve. É uma puta". Já ouvi isto dezenas de vezes da boca de várias pessoas. Julgo até que esta afirmação é tão corriqueira, mas tão corriqueira que quando a oiço já nem me choca. Mas o que me choca, é que as pessoas que dizem isto, que apontam o dedo desmedidamente, quando vêm as suas filhas a trocarem de namorados com uma certa frequência já não as consideram puta. Afinal o que faz de uma mulher uma puta aos olhos de algumas pessoas?
1) É o facto de ter tido vários relacionamentos falhados?
2) É o facto de se envolver com homens pontualmente?
3) É o facto de ser instavel emocionalmente?
4) É o facto de não ter sorte no amor?
5) É o facto de ser precipitada em envolver-se com um homem?
6) É o facto de ser alguém com quem não temos nenhum laço familiar e que por acaso até corresponde às cinco ou algumas das cinco características anteriores?
Tenho cá para mim que é mais a opção 6. As outras que não nos são nada podem ser consideradas putas, agora uma prima, uma tia, uma sobrinha, uma irmã, uma mãe, uma madrinha, seja lá o que for, é que não pode ser considerada puta. E porque? Porque tem um grau de parentesco qualquer connosco e não se pode apontar o dedo, nem chamar nomes, nem "encaixar" na definição de puta pessoas que sejam directa ou indirectamente nossos familiares. E porque? Ora! Que pergunta! Porque tem um grau de parentesco connosco e não fica bem. Até se pode pensar, mas dizer é que não. Ai, ai, ai, pimenta nessa língua. Shiuuuuu!

You Might Also Like

1 comentários

  1. O que faz essa gente dizer isso é falto do que fazer e uma enorme vontade de falar mal. Para mim é só isso! Apanham um ponto fraco e já estãoa falar mal.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe