Political campaign

sexta-feira, setembro 18, 2009

Eu nem queria acreditar que estava no meio de uma campanha eleitoral esta tarde, mas foi isso mesmo que aconteceu. Estava a acabar de fazer uma visita a uma casa para o lado das Amoreiras quando o meu respectivo recebe uma chamada. "Então, vais à apresentação da candidatura do nosso amigo.? Ele é o nº2". Como ele gosta de estar presente nos momentos importantes daqueles que gosta lá acedeu a ir. Eu não ia fazer a desfeita, como é óbvio, então lá fomos. Atravessar a cidade com um trânsito caótico revelou-se uma aventura, mas para mim a maior delas foi sem dúvidas estar rodeada de gente que vibra com eleições, partidos, abanam bandeiras como se não houvesse amanhã e gritam para levar merchandising para casa, como canetas, bonés, bolsinhas, etc. Se têm o azar de não conseguir um brindezinho ficam de trombas!!! Aos anos que não metia os pés num comício, ainda que em pequena escala, pois era apenas a apresentação. Aquelas musiquinhas e as pessoas a gritarem pelo nome do partido. Parece que se trata de uma questão de vida ou de morte, que vivem para aquilo. Comparo este fenómeno ao que se vive nos estádios de futebol em que as pessoas se modificam. Há certas campanhas que até me dão vontade de rir, quando os políticos vão para os mercados e põem-se a dançar com as vendedoras. Mas será que é mesmo assim que conquistam votos? Não tinha paciência para isso, para andar nas ruas a distribuir beijinhos e apertos de mãos. Ainda estou para ver qual deles irá apanhar primeiro a gripe A. Não é através das mãos e do contacto directo que ela se transmite? Se calhar andam com um liquido desinfectante atrás. Isto tudo para dizer que não aprecio comícios e não vibro com os respectivos discursos. Até os acho maçadores. Prefiro um bom debate, em que se trocam e discutem opiniões, pontos de vista, esclarecem-se objectivos e apontam-se os defeitos do adversário político. Acho bem mais giro e esclarecedor. Não me volto a meter noutra! (I'm sorry...)

You Might Also Like

1 comentários

  1. Eu acho que também não me metia numa dessas, pelos menos nessa escala, comissios e campanha, só mesmo pelas associações de estudantes na faculdade =P

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Subscribe